Arquivo da tag: America

7- Despedida Americana

Encontrei uma parte da turminha na frente do America Alamedas.
Estava um pouco nervoso, não tenho o hábito de promover despedidas, ainda mais quando se trata da minha despedida.

Ao entrarmos no America, identifiquei-me na recepção. Estava tudo reservado. Atendimento nota dez.
Fomos levados até o salão principal e para meu desespero, uma mesa initerrupta se ampliou na minha frente. Os caras do restaurante haviam reservado o melhor lugar da casa, de frente para a fonte da Fnac na Alameda Santos. A sensação era de que na mesa havia umas 50 cadeiras…
Pensei comigo: “Puxa! Nem fudendo que a gente vai ocupar todas essas cadeiras!”… Comecei a surtar em silêncio: “Caraca, acho que vou pedir pra tirar umas duas ou três mesas, vai sobrar muitos lugares, os garçons irão me matar”…

Foi só o tempo de ir ao toilet jogar uma água no rosto e quando eu voltei, a maior parte da turma já havia chegado.

Rapidamente aquela mesona silenciosa se encheu de amigos, de cores e de barulhinho bom.
Por mais que todos estivessem por lá, ainda chegavam convidados.
Sentei-me estrategicamente na cadeira do centro da mesa, fiquei exatamente no meio do bate-papo. Acho que consegui dar atenção a todos…

Obentou, Edum, Junin, Tio, Leone, Fera, Griffo, Jun, Fumiko, Fran, Cau, Madá, Geladeira, Kurenaida, Chaos, Aqua, Aninha, Schmerz, Paloma, Ed Bichoooooooooo e até mesmo um Mu de Áries que caiu de pára-quedas e ficou com a gente até o fim!

Que noite mais agradável!
A conversa não parava um segundo. Era papo pra lá, papo pra cá.

Não dava pra acreditar que eu havia conseguido reunir tanta gente querida naquele lugar especial.

Eu sou caipira de restaurante chique… Conseguir marcar uma parada dessas foi mais um grande desbloqueio.
Claro que grande parte do mérito desse desbloqueio se deve à Thais, que foi comigo fazer a reserva. Sem ela, nada disso teria acontecido, pelo menos não ali no America.

A lembrança dessa noite, a cara de cada amigo, os papos, as risadas, o lugar, tudo vai estar gravado no fundo do meu coração. Essa noite vai ser muito útil nos momentos de solidão lá no navio. Quando a saudades bater, quando o desespero invadir, basta apenas me lembrar daquela mesa vazia e de como ela se encheu rapidamente.

Juntar Obentou com Griffo, Fumiko com Tio, Madá com Fera, Jun com Paloma, Cau com Edum, Kurenaida com Geladeira, Aninha com Aqua… Eu acho que essa é uma das melhores formas de manter acesa a chama da amizade. É compartilhar amigos de uma determinada dimensão com amigos de outra. A beleza das coisas está nos seus extremos, na variedade. E eu adoro juntar meus amigos nerds com os amigos da facul, os amigos da Outerspace com os amigos da rua, os quietinhos com os bagunceiros, os mais novos com os mais velhos…

Tudo estava muito bom, tudo estava muito bem, mas saco de batatas não fica em pé vazio. Os cardápios chegaram e então o povo se perdeu com a variedade de delícias. Eu não consegui fugir do convencional, fui de Texas novamente…

Grandes pratos, hambúrgueres de picanha que derretem na boca, saladas delicadas e o melhor aperitivo do mundo: onion rings (que todo mundo aprovou).
O povo se surpreendeu com o cardápio exclusivo de sobremesas, mas eu já os havia alertado para esse crime gastronômico… Hehehehe…

Acabamos esticando o papo até ás altas horas da noite. O povo queria saber da vida a bordo, dos assuntos discutidos no treinamento da marinha, da companhia… E esse papo é sempre muito interessante, ou seja, o tempo voou.
Não deixei ninguém ir embora sem antes assinar meu caderno e deixar seus endereços para que eu possa enviar postais das cidades por onde passar. Prometi que, como os amigos são muitos e as cidades por onde passarei também são, mandarei os postais numa ordem de revezamento. Æ, cabe aos amigos marcarem um encontro pra compartilharem seus diferentes postais uns com os outros.

Faltando pouco para meia-noite, tiramos a saídera (fotograficamente falando – nada de alcoolismos) e corremos para pegar o último metrô.

Sem palavras para expressar o quanto essa despedida foi especial e importante.
Fala sério! João Elias de Brito sem palavras?
Tenho algumas exclusivas:

Ps01: Obentou, sei que já estava de pé desde cedo, e sei também que ficaria acordado até a madrugada para me prestigiar! Até quinta!
Ps02: Edum, pontualidade britânica! Em tão pouco tempo, tanta demonstração de amizade. Por favor, continue encontrando esses meus camaradas.
Ps03: Junin, sempre presente! É isso que eu admiro demais em vc! Quando estiver lá no navio, vou me basear muito nessa sua virtude.
Ps04: Tio, vai ser duro ficar longe de vc! Aprendi muito apenas te observando, guri! Vc vai junto comigo no meu coração!
Ps05: Leone, eu nem prestigiei seu artigo e muito menos folheei como deveria o Guia do Galaxy. Vc sabe que eu fico todo perdido nesses encontros, né? Por favor, compenso no feriado!
Ps06: Fera, sem vc não tem graça. Vc é o sorriso dos encontros!
Ps07: Griffo, vc ficou um tempão! Eu quase não acreditei! Vc sabe o quanto é querido! Saudades desde já…
Ps08: Jun, pegueno gigante! Vc estava impossivelmente divertido. É esse Jun que eu descobri lá no AF e que me encantou e encanta a todos! Espero que tenha curtido o “Procissâo”, ele é presente do Griffo para vc!
Ps09: Fumiko, sei o quanto foi difícil vc estar ali, mas não há preço que pague ter sua companhia nessa noite tão importante.
Ps10: Fran, cuida da mãe e estuda bastante!
Ps11: Cau, a minha fada madrinha! – Foi a Cau que me indicou o trampo no navio! – Nos encontramos na Noruega!
Ps12: Madá, vc é aquela figurinha premiada, parte integrante do meu álbum da vida. Passa ano, sai ano e vc está sempre me apoiando em tudo o que eu faça! Te amo!
Ps13: Geladeira, sua presença ali, mesmo que no cantinho da mesa é de uma importância tamanha. É bom demais compartilhá-lo com meus outros amigos. Vc é um cara famoso! Hehehehe…
Ps14: Kurenaida, nem preciso falar muito, senão vou ser injusto com os outros. Não pensei que vc estaria em Sampa, foi bom demais tê-lo lá. Nos encontramos em Recife, Ilhéus, Salvador, Rio de Janeiro ou Imbituba, ok?
Ps15: Chaos, grande honra ter sua presença na minha despedida. Te encontro lá pela Europa no seu mochilão?
Ps16: Aqua, outra ilustríssima presença. Uma pena a Carlinha não ter podido te acompanhar, mas recebo os cumprimentos dela e retribuo-os. Vai juntando uma graninha que eu vou ver o desconto lá pra os cruzeiros…
Ps17: Aninha, não resisti sua beleza e a coloquei em evidência vertical. Sabia que vc não perderia essa por nada, mas é tão mais legal saber por vc. Vai ser duro ficar sem nossas tardes de sábado. Mantenha o rosa do Ds sempre rosa!
Ps18: Schmerz, o cara que mais me conhece! Te amo, guri!
Ps19: Paloma, cuida direitinho do meu amigão, tá? E quando eu voltar a gente faz aquele jantarzinho, sim!!! Felicidades em Abril, guria!
Ps20: Ed, vc veioooooooooooooooo… O Anjim tinha encontrado vc no fórum e me disse que provavelmente vc não iria. Tinha perdido as esperanças… mandei e-mail, torpedo e nada… Fiquei muuuuuuuuuito feliz de ver vc lá… Fica com Deus, Bicho. E quando eu voltar, quero ver como ficou o “apartamentoso”!
Ps21: Mu “Hemodiálise”, meu amigo com problema nos rins, amei sua passadinha definitiva! Ficou com a gente até o final! Pode deixar, vou aproveitar, vou estudar e me divertir como nunca! E torce pra eu encontrar a minha islandeusa perdida lá na Europa! Hehehe…

A todos os meus amigos, o meu mais verdadeiro obrigado.

Anúncios

5- Fnac + America + Thais + HP

Depois de passar ao banco, voei até o laboratório fotográfico para retirar uma encomenda.
Precisava ir até a Paulista me encontrar com a Thais para entregar um pôster, passar na Claro pra desbloquear o celular e me informar about Roaming International, encontrar algum restaurante legal para fazer a despedida, namorar as caixas lacradas do novo livro do HP na Fnac Paulista…
Só não contava com a tempestade no meio do meu caminho. O céu se tingiu de negro e a chuva lavou a alma da cidade.

Cheguei lá na Trianon com atraso. Na escadaria da estação de metrô, todo mundo amontoado esperando a chuva acalmar. A Thais já estava por lá.

Lógico que intimei a guria a me acompanhar, não antes de entregar-lhe a encomenda e explicar todo o processo criativo.

Passamos no America Alamedas e, como bom caipira que sou, estava com vergonha de entrar lá sozinho pra perguntar sobre preços, se haveria disponibilidade de reunir uma galera lá no sabadão, prato + barato, preço de refri, porcentagem de serviço…
Pra começar que me deparo com uma porta giratória… Hehehehe… Preciso me acostumar com isso, senão tô fudido lá fora, só vou comer em Mc Donald´s…
Mas resisti bravamente a minha caipirisse e com ajuda da Thais entramos e fomos conversar com a recepcionista, que já queria nos encaminhar pra uma mesa…

Após muito conversar, decidi fazer a despedida lá.
O America tem um dos menus mais variados e deliciosos de São Paulo.
Um sanduba com hamburguer de 150 gramas custa aproximadamente uns R$13.
Há uma infinidade de pratos com todos os tipos de carnes e peixes, batatas no estilo baked potato, um dos melhores hambúrgueres de picanha, carpaccio, saladas caprichadas, pastas com os mais coloridos molhos, beirute, hot dog na baguete, churrasquinho na baguete… Além de milk shakes destruidores, refrigerantes, sucos, cervejas e vinhos.
As sobremesas não ficam atrás, Apple Pie, Devil´s Food Cake, panquecas, Strawberry Dip, Cheese Cake, Baby Sundae e o incomparável Gateau America… Além dos farofinos e frozen yogurts. Uma taça de sorvete simples custa aproximadamente uns R$7.
Vale lembrar que no America se paga a porcentagem do serviço (mas essa taxa é constante em todos os restaurantes).

O America não é muito famoso pelo seu preço e sim pelos seus pratos impecáveis e irresistíveis. Os pratos mais caros por exemplo, variam entre R$24 e R$34 aproximadamente.
Porém, o sanduba mais simples que eles tem, é grande o suficiente para matar a fome.
Um refrigerante custa aproximadamente R$3,50, alguns sorvetes custam menos de R$10…
Dá pra controlar o bolso e a recepcionista me disse que faz o controle individual de cada pessoa.

Eu acho que vou de Texas, definitivamente o meu prato preferido do America. O prato consiste num hamburguer grelhado de 200 gramas acompanhado de relishes de milho e pepino, batatas fritas e onion rings.
Toda vez que vou lá eu tento variar, mas a verdade é que até hoje eu nunca consegui deixar de pedir o Texas. E depois de um Texas, vc não consegue comer mais nada.

Depois dessa aula gastronômica, saímos de lá com fome (estávamos apenas pesquisando) e encantados com o cardápio. Peguei o cartão e o e-mail do restaurante e fiquei de mandar uma nota sobre quantas pessoas participarão da despedida, para o fato de juntar mesas, reservar, pois 20hs é um dos horários de mais pico no sábado.

Cortamos caminho por dentro da Fnac (o America fica exatamente atrás da Fnac Paulista), e foi lá que eu vi caixas e mais caixas de HP e as Relíquias da Morte, uma em cima da outra, lacradíssimas. Ao lado, um enorme cartaz anunciando a abertura das caixas na madrugada do dia 09 de Novembro.
A Fnac vai fazer um monte de eventos, mas todos começarão às 00:00hs do dia 09, ou seja, nem pensar em estar ali.
Folheei a versão americana e foi então que a Thais me surpreendeu. Sim, sim, ganhei da guria o novissimo livro!!!

Putz! Ela disse que estava tentando encontrar alguma coisa pra me dar de despedida, mas não sabia muito bem o que era. Eu tava meio pirado demais essa hora, então nem sei bem como explicar como foi tudo. Sei que na hora de fechar a Pré-Venda, pois a livraria fechou contrato mesmo, só abre os livros no lançamento nacional… Eu sei que os caras do atendimento disseram que eu era o último cara a pegar o brinde personalizado. Hehehehe lucky bastard…

Thais, quero deixar registrado aqui meu agradecimento. Vc ainda duvida de que esse foi um dos melhores presentes ever? Livro já é um presente perfeito, livro do HP então, é coisa para nunca mais se esquecer! Obrigadoooooooooooooooooooo!!!

Ps1: Galera interessada em ir na minha despedida, confirmem presença: joaoeliasdebrito@terra.com.br
Ps2: Ponto de encontro em frente ao America, 20hs do dia 10/11/07.
__________________

America Alamedas

Alameda Santos, 957
tel. 3283-4424
-cartões de crédito: Visa, Amex, Credicard e Dinners
-cartões de débito: Visa Electron e Redeshop
-tickets: vale refeição, ticket restaurante, cheque cardápio
-tickets eletrônicos: ticket restaurante, sodexo, vr smart, visa vr
-estacionamento com manobrista no local R$9 (3hs)